sábado, 16 de setembro de 2017

VINHOS SIDONIO DE SOUSA, BAIRRADA

1994, aromas evoluidos, notas terrosas, frutos secos, sabor rico, intenso taninos elegantes, encorpado e final persistente

notas especiadas, terra, notas da BAGA, sabor seco, acidez presente, taninos intensos, marcando posição, encorpado e final longo


Notas de Frutos secos, especiado, notas de verniz, couro; saborseco, acidez, alcool suave, taninos firmes mas elegantes, encorpado e final apetecível

Aromas frutados, frutos do bosques, cassis, amoras, especiado presente, terroso; sabor seco, acidez presente, taninos expressivos,alcool, frutado e especiado, volumoso e final prolongado.

Aromas frutados, frutos vermelhos, especiado presente com as notas terrosas que caracterizam a casta; sabor rico, acidez presente, taninos elegantes, encorpado e final envolvente.

Aromas frescos, frutados, ligeiro floral e mineral; sabor seco, acidez presente, alcool suave, frutado, mineral, bom corpo e final refrescante


2016, ART. TERRA AMPHORA, HERDADE S. MIGUEL, ALENTEJO

Aspecto limpido, cor amarelo intenso, lágrima suave
Aroma limpo, jovem, intenso
Aromas primários, frutos maduros, notas florais, flores brancas, a lembrar flor de laranjeira, com nota mineral suave;
Sabor seco, acidez presente, alcool suave, floral e mineral, corpo médio, final refrescante

Boa surpresa!!!

Copo: Riedel Viognier; Schott Diva Sauvignon

Iguarias: Bacalhau com Natas; Peixe grelhado com legumes; risotto de camarão ;


quarta-feira, 30 de agosto de 2017

2015, GOLPE, Douro Vinho tinto

Aspecto limpido, cor granada intensa, lágrima presente

aroma limpo, jovem, intensidade média
aromas primários, frutos vermelhos maduros, morango, ameixa, mirtilhos, com notas florais, violetas, esteva, notas especiadas suaves

Sabor seco, acidez suave, alcool medio, frutado, frutos vermelhos, notas florais a confirmar o aroma, taninos secos, mas suaves, corpo médio e final fácil de degustar.

Copo: riedel Touriga Nacional;Schott Ivento Xl; Zalto Bordeús

Iguarias: Bife `Portuguesa, Lombinho grelhado com arroz de cogumelos; pica pau

Vinho do dia-a-dia, agradável que acompanhabem refeições ligeiras;


segunda-feira, 28 de agosto de 2017

2010, Jardins de Baylone Sec, Didier Dagueneau, Juraçon, França

Castas: Camaret, lauzé, petit et gros manseng, courbu.

Para mim este é um dos grades vinhos franceses. Elegância, Intensidade, equilibrio e frescura.

Aspecto limpido, cor amarela intensa
Aromas a frutos citrinos ligeiros, mineral bem presente, a sentir-se a frescura; frutos de arvore a evidenciar-se à medida que a temperatura sobe; suaves notas especiadas ... (e algo a fazer lembrar massa folhada tostada, possivelmente da madeira e battonâge)

Sabor seco, acidez muito presente, mineral, frescura, notas de evolução evidentes, mais intenso, encorpado e final longo...


Grande Vinho


Copo: Riedel Chardonnau Sommelier; Schott Diva; Zalto Chardonnay

Iguarias: Sozinho apenas....Bacalhau no forno; rabo de boi recheado com foie; queijos azuis com compota de frutos de árvore;


VINHOS KOSHER ROYALE GRAVADE

Vinhos que degustei pela primeira vez... Vinhos Kosher

Um chardonnay bem feito, fresco, frutado, com notas a fruta de arvore, elegante; sabor seco, acidez, notas de chardonnay bem presentes

O tinto, Cabernet suave, elegante, frutado e com notas vegetais ligeiras
Sabor seco, acidez suave, alcool suave, taninos muito suaves

Fáceis de beber...


2007, PETER LEHMANN "Chardonnay", Austrália White wine

Aspecto limpido, cor dourada
Aromas evoluidos, com intensidade
Aromas a frutos de arvore, pessego e damasco suaves, a fazer lembrar estes frutos secos; notas de brioche evidentes,notas de manteiga suave; oxidação presente, mas positiva;

Sabor seco, acidez ainda presente, alcool suave, frutos secos presentes, brioche, oxidação presente, corpo médio e final persistente

Um bom vinho de uma das grandes empresas de vinho da Austrália

Copo: Riedel Sommelier Chardonnay ou Schott Diva Borgonha
Zalto Chardonnay

Iguarias: Lombo de porco assado no forno com batata à padeiro; Bacalhau à Lagareiro; Choco Frito


2012, PARDUSCO PRIVATE "Alvarelhão", Vinhos Verdes

Aspecto limpido, cor suave, vermelho suave
Aroma limpo, fresco, frutado com intensidade média
Aromas jovens, frescos, frutados, frutos vermelhos, ameixa, groselha,

Sabor seco, acidez presente, alcool suave, frutado, frutos vermelhos, taninos presentes mas suaves, corpo médio, final persistente

Copo: Riedel Pinot noir ; Schott Diva Borgonha

Iguarias: Lombinhos de Porcogrelhados com migas; Pataniscas de Bacalhau com arroz de tomate

Boa surpresa!!